Apoiadores do mídia.JOR destacam importância do debate sobre jornalismo

Mauricio Kanno | 07/10/2013 10:00

No início do seminário mídia.JOR, que começou nesta segunda-feira (7/10) e é organizado por IMPRENSA, apoiadores demonstraram a importância do evento.


José Augusto Camargo, secretário-geral da Federação Nacionaldos Jornalistas (Fenaj) e presidente do Sindicato dos Jornalistas de São Paulo, afirma que o debate sobre o jornalismo no tempo atual é essencial, inclusive para a sociedade em geral, principalmente neste tempo de reconfiguração do trabalho.


Crédito:Maurício Kanno
José Augusto Camargo destacou a importância do evento para falar dos rumos do jornalismo

“Alguns pontos são a ausência da obrigatoriedade do diploma,as novas tecnologias, além de projetos de lei no Congresso, como a lei do direito de resposta”, diz ele. “Sem esquecer do mercado de trabalho”, completa.


Ele diz que a associação acompanha os projetos de lei no Congresso e seu papel também é participar de eventos de discussão como este.


Já Théo Rochefort, da Abert, entidade que representa cerca de 3.000 emissoras comerciais de rádio e televisão, chama a atenção que o mídia.JOR já é o espaço dos mais qualificados de discussão sobre jornalismo e comunicação do país.


“Isso tanto pela pertinência dos temas e debatidos como pela qualidade dos profissionais presentes”, diz ele. “O tema dos grandes eventos no Brasil, assim como as novas formas de comunicação, jornalismo online, além do futuro dos nossos profissionais, são obrigatórios hoje.”


Em sua fala no púlpito, ele afirma que “é desafio e obrigação inovar sempre”, e o evento deve contribuir a respeito.



O mídia.JOR acontece nos dias 07, 08 e 09/10, no teatro daAliança Francesa, em São Paulo ( SP). O evento, realizado por IMPRENSA, épatrocinado pela OI, com apoio da Aliança Francesa, Fenaj, Abert, Abradi, Anere ANJ.


Leia também

- IMPRENSA realiza 2a. edição do seminário de jornalismo mídia.JOR

- 'Vai ser uma guerra nuclear', diz Ascânio Seleme sobre asgrandes coberturas de 2014