Jornalistas de TV pública fechada pelo governo grego continuam a noticiar pela internet

Redação Portal IMPRENSA | 13/06/2013 15:00
Oscilando entre o clima de indignação e o de determinação, cerca de cem jornalistas que ocupam o edifício da emissora pública grega ERT, interditada pelo governo na última terça-feira (11/6), estão obstinados a continuar a repercutir notícias pela internet.

De acordo com o portal Visão, apesar de estarem incomodados com os acontecimentos, os profissionais pretendem permanecer no local por tempo indeterminado, dando continuidade à transmissão de informações por meios digitais.

Leia também
Repórteres usam máscaras para se proteger de gás lacrimogêneo na Turquia 
BuzzFeed anuncia contratação de chefe de redação do “The Guardian”
Sindicatos convocam greve geral na Grécia contra fechamento de rádio e TV pública