Biblioteca Britânica disponibiliza 400 anos de imprensa para consulta

Redação Portal IMPRENSA | 29/04/2014 18:00
A Biblioteca Britânica (British Library) disponibilizou, desde a última segunda-feira (28/4), 750 milhões de páginas de jornais e revistas do mundo todo, cobrindo mais de 400 anos de história da imprensa.

De acordo com o jornal The Guardian, a coleção ocupa uma nova sala de leitura, chamada Newsroom, a primeira aberta na sede da entidade em uma década. Os arquivos digitalizados e em microfilme incluem ainda 4,8 milhões de páginas de internet arquivadas. Em termos de volume, o acervo percorre mais de 10 quilômetros de prateleiras.

Pesquisadores e demais frequentadores da biblioteca têm livre acesso a coleções de microfilmes e jornais digitais, com exemplares que remontam à Guerra Civil Inglesa. O título em língua inglesa mais antigo da coleção, A Corrant, foi publicado em 1620 em Amsterdã, na Holanda, com notícias da Itália, da Alemanha e da região da Boêmia.

A Newsroom também coleta os arquivos cotidianos de rádio e televisão, em constante atualização, e já disponibiliza mais de 40 mil horas de transmissão. O espaço, com tecnologia de ponta de armazenamento e consulta, fica no prédio principal da biblioteca em Londres, St. Pacras, criado em 1972 pelo parlamento britânico com anuência da Rainha e é gerido pelo Ministério da Cultura.

Leia também
Jornalista cria primeiro banco de imagens brasileiro
Reuters lança site para vender arquivos de seu acervo
-
 Site disponibiliza documentos americanos sobre a ditadura no Brasil