Fotógrafo da AFP é baleado em manifestação contra "Charlie Hebdo" no Paquistão

Redação Portal IMPRENSA | 16/01/2015 14:30
O fotógrafo da Agence France-Presse Asif Hassan ficou gravemente ferido ao ser baleado durante os confrontos entre a polícia paquistanesa e participantes de uma manifestação contra a revista Charlie Hebdo. A manifestação ocorreu em frente ao consulado francês de Karachi, nesta sexta-feira (16/01).

De acordo com a agência, a bala que atingiu Hassan entrou por um pulmão e saiu pelo tórax. Ele precisou ser operado e não corre risco de morte. Policiais e testemunhas disseram que a bala foi disparada do local onde os manifestantes estavam, mas estes acusam a polícia de ter atirado. 

Os protestos foram convocados pelos partidos islamitas paquistaneses. O objetivo era denunciar a publicação da mais recente capa da revista satírica francesa, que mostra o profeta Maomé chorando, algo considerado blasfêmia no país.

Também ocorreram manifestações em Islamabad, Lahore, Peshawar e Multan, onde uma bandeira francesa foi queimada.